CT Cantareira

Atendimento / Internação
(11) 4419-0752
(11) 4419-3763

Enxoval para Internação

A Clínica Terapêutica Cantareira agradece a confiança em nos escolher a fim de oferecer o melhor tratamento possível ao seu ente querido e a você, familiar. Estamos a disposição sempre que precisar. Sabemos que muitas vezes o dependente químico, no ato de sua internação, está em situação precária, onde já perdeu tudo, inclusive muitos bens pessoais e/ou os que restaram não estão em condições de uso, bem como, muitas vezes, a urgência da internação é tal que não há tempo suficiente para separar todos os bens necessários para o uso durante o tratamento. Nestes casos, solicitamos que, dentre os itens da lista abaixo, que seja encaminhado o que for possível, podendo o restante ser encaminhado posteriormente. No ato da internação o paciente deverá trazer os itens que serão somente de uso pessoal e individual, listados abaixo:

  • 10 Camisetas
  • 03 Bermudas
  • 10 Cuecas
  • 05 Pares de meia
  • 01 Calças Jeans
  • 02 Conjuntos de Moletom
  • 01 Cobertor ou Edredom
  • 01 Travesseiro
  • 02 Conjuntos de Cama e Banho
  • 01 Par de Chinelos e 01 par de Tênis
  • Pasta e escova de dentes
  • Barbeador e creme de barbear com PINCEL
  • Saboneteira e/ou necesserie
  • Shampoo, condicionador e sabonetes
  • Desodorante Roll’on
  • Sabão em pó e amaciante de roupas
  • 02 baldes
  • 20 prendedores
  • 01 escovinha de roupas

OBS: Sugerimos que todos os pertences sejam previamente marcados com as iniciais do paciente, ou qualquer outra marca que o identifique. Não será permitida a entrada de produtos contendo:

  • Álcool: Enxaguante bucal, perfumes, desodorantes spray, bombons de licor, etc.;
  • Gás: Desodorante aerosol, espuma de barbear pressurizada, isqueiros, etc.;
  • Solventes: Fluido de isqueiro, esmalte, etc.;
  • Qualquer tipo de medicamento sem consentimento da equipe. Se o paciente faz uso contínuo de algum medicamento, este deverá vir lacrado (novo), junto de prescrição médica.

Após o ato da internação, é comum e freqüente que o dependente químico, nos primeiros meses, fase mais difícil do tratamento, onde está sob os efeitos da abstinência, não está em seu “habitat” onde tinha acesso livre para fazer o que queria a hora que queria, está tendo de se habituar à regras de convivência, rotina, está em fase de aceitação de sua doença, está em fase de turbulência psíquica na busca de seu auto-conhecimento e conhecimento das conseqüências de seus atos, conflitos internos ante a intervenção psicológica que vai buscar os motivos que o levam ao uso de entorpecentes e treinar novos atos e pensamentos e tantas outras mudanças na vida do paciente, que é comum o mesmo, como sempre fazia, tentar manipular seus entes queridos e coodependentes a fim de regressar à sua casa e voltar aos velhos hábitos e às velhas rotinas.

"Família, tome cuidado com as manipulações!"

Frases mais comum dos adictos que tentam manipular suas famílias:

  • Eu já estou bom;
  • Já aprendi a lição;
  • Nunca mais usarei;
  • Estou com saudades da família;
  • Foi à pior coisa que já aconteceu;
  • Aqui não gostam de mim.

O tratamento é levado a sério na Clínica Terapêutica Cantareira e para atender à família, a qualquer momento, sempre haverá um profissional qualificado para lhe prestar todos os esclarecimentos possíveis.

Compartilhe: